Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

14
Nov17

RaqueleJoao-340.jpg

“Animal free”. Foi a ideia que a Raquel nos deixou. O seu casamento teria que respeitar ao máximo o seu desejo. Nada que nos assuste, afinal o tema é-nos muito querido.

Como atender a este pedido? Fácil: Catering vegan... Mas não ficámos por aí. Todo e qualquer produto utilizado para o evento, como por exemplo, a maquilhagem da noiva não podia ter sido testado em animais e ser o mais orgânico possível. Sim, até o arroz atirado aos noivos no final da cerimónia foi substituído por alpista!

Foi neste clima de máximo respeito com a Natureza que realizámos o sonho destes fantásticos noivos que nos permitiram levar o nosso trabalho para outra dimensão.
 
Adorámos Raquel & João, que sejam felizes sempre.

 

IMG_3067.jpg

RaqueleJoao-8.jpg

RaqueleJoao-9.jpg

RaqueleJoao-13.jpg

RaqueleJoao-15.jpg

RaqueleJoao-17.jpg

RaqueleJoao-126.jpg

RaqueleJoao-130.jpg

RaqueleJoao-139.jpg

RaqueleJoao-202.jpg

RaqueleJoao-215.jpg

RaqueleJoao-244.jpg

RaqueleJoao-263.jpg

RaqueleJoao-285.jpg

RaqueleJoao-293.jpg

RaqueleJoao-324.jpg

RaqueleJoao-140.jpg

RaqueleJoao-141.jpg

RaqueleJoao-143.jpg

RaqueleJoao-144.jpg

RaqueleJoao-146.jpg

RaqueleJoao-147.jpg

RaqueleJoao-149.jpg

RaqueleJoao-150.jpgIMG_3036.jpg

IMG_3052.jpg

RaqueleJoao-333.jpg

RaqueleJoao-344.jpg

 

 

Guardar

Autoria e outros dados (tags, etc)

02
Out17

c.jpg

Todos os nossos casamentos são especiais para nós e, naturalmente (principalmente!), para os noivos. Dedicamos muitas horas do nosso trabalho a cada um deles e, fazemo-lo com imenso carinho e dedicação. É quase impossível não nos envolvermos de forma sentimental com estas famílias. Sabemos que é trabalho, mas quando se trata de casamentos, não vendemos um serviço, mas sim expectativas. Estamos a falar de emoções ao rubro para as quais damos o nosso melhor para que tudo corra bem, para que seja um dia único para todos.

A Marta e o Tiago são daqueles noivos que é impossível não criar ligação. Ele, mais descontraído, ela super atenta a todos os detalhes, pensados e executados minuciosamente por ela. Nada podia falhar.
Escolheram a Tapada Nacional de Mafra porque queriam que o mood fosse o de uma floresta encantada com a presença dos animais que ali habitam a fazer parte do cenário.


É difícil pôr em palavras as emoções que sentimos na cerimónia civil, em especial quando os irmãos dos noivos discursaram. Sentimos amor em cada palavra e em cada embargo de voz. Confessamos que também nos rendemos e chorámos de emoção.
Marta&Tiago (e Hobbes) desejamos que sejam sempre cúmplices, que sejam muito felizes, para sempre.

IMG_0742-18.jpg

 

 

 

 

 

Guardar

Guardar

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sempre que organizamos um casamento, surge a pergunta: "De que lado fica a noiva?"

Segundo uma lenda de origem anglo-saxónica, a noiva deve ficar sempre do lado esquerdo do noivo. Dizem que o noivo, temendo um ataque dos dragões e outras ameaças, deixava sempre o braço direito livre para sacar a sua espada. Esta regra aplica-se na cerimónia religiosa e também na civil.

a791a3ef590ae9e2930a44d0af07a5b5-2.jpg

No local da cerimónia, entram primeiro os convidados. A família do noivo fica de um lado e a da noiva no outro. Na Save the Date gostamos de desconstruir esta "regra". Somos totalmente a favor do "pick a seat not a side" isto é, escolhe um lugar e não um lado. O casamento é também a união de duas famílias, por isso somos a favor das ligações entre todos.

De seguida, entra o noivo com a mãe (o noivo à direita e a mãe à esquerda). No altar, chega a momento tradicional de esperarem pela entrada da noiva. Esta entra sempre do lado direito do seu pai (ou outro ente querido). Ao chegar ao altar, faz a troca do bouquet – da mão direita para a esquerda – e posiciona-se corretamente do lado esquerdo do noivo, já que o mesmo a espera do lado direito no altar.

 

No final da cerimónia primeiro saem os convidados, desta forma todos podem presenciar a saída dos noivos e felicitá-los com arroz (símbolo de prosperidade, desejo de saúde e riqueza). Acrescentem pétalas de flores e folhas de oliveira símbolo da paz.

confetis.png

Acima de tudo, sejam felizes! Façam o vosso próprio protocolo. Escolham os passos com os quais estão mais confortáveis e que sejam mais adequados à vossa família e amigos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Something old, something new, something borrowed and something blue 

 

Ao longo dos anos foram muitas as noivas portuguesas que adoptaram este superstição inglesa que remota a 1898.

tradição.jpg

Alguma coisa velha

Simboliza o passado, a tradição e a família. É uma boa oportunidade para homenagear alguém da sua família, usando uma joia antiga; uns brincos, uma tiara, uma pregadeira, o véu, ou mesmo o vestido de noiva da sua mãe, naturalmente adaptado ao seu estilo.

 

Alguma coisa nova

Simbolo de inicio de uma nova vida. Esta é a mais fácil de seguir, a lista é imensa. O vestido, a lingerie, os sapatos ou o véu.

 

Alguma coisa emprestada

O ideal é usar alguma coisa emprestada de alguém que tenha um casamento bem sucedido, já que simboliza a felicidade emprestada. Apostamos que são muitas as vossas amigas que vão querer emprestar algo. O véu, por exemplo parece-nos uma peça excelente.

 

Alguma coisa Azul

Azul significa fidelidade, pureza e amor. Para os cristãos é o símbolo da Virgem Maria.

Se é daquelas noivas timidas, e que não gosta de arriscar na cor, pode usar um pequeno bordado com um detalhe no interior do seu vestido, um coração, as vossas inciais e a data do casamento. Para as mais ousadas, uns sapatos azuis, uma faixa/cinto no vestido, as joias ou até mesmo um bouquet com flores azuis.

 

É claro que a receita para um casamento feliz nao depende só destas superstições, mas não vá o diabo tecê-las, se ainda não conhecia, tome nota destas dicas para que tenha um dia cheio de alegria.

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D





Analytics